Vereador demonstra preocupação com casos da doença mão-pé-boca em crianças de Carapicuíba

Parlamentar recebeu a informação de alguns casos na Cidade.

O Vereador Professor Ladenilson (MDB), protocolou as Indicações 1727/201 e 1728/2021, destinadas ao Prefeito Marcos Neves (PSDB). Os documentos solicitam a realização e um levantamento de casos, bem como, uma ampla campanha de conscientização sobre a gravidade da doença mão-pé-boca, que vem acometendo crianças da Rede Municipal de Ensino da Cidade.

Professor Ladenilson é vereador e Membro da Comissão de Educação e Saúde da Câmara Municipal de Carapicuíba

Segundo o Vereador, que também é Membro da Comissão de Educação e Saúde da Câmara Municipal de Carapicuíba, “nosso Gabinete tomou conhecimento de alguns casos da doença e ficamos preocupados, pois esta doença é extremamente contagiosa. O Poder Público, através da Secretaria de Saúde, precisa acompanhar de perto estes casos. Já a Secretaria de Educação e o Setor de Comunicação da Prefeitura, devem orientar a população sobre as formas de contágio e os cuidados necessários”.

As Indicações foram encaminhadas ao Executivo Municipal para que sejam tomadas as devidas providências.

A DOENÇA
Conhecida como Síndrome ou Doença mão-pé-boca, ela é comum em crianças com até 5 anos de idade. As lesões geralmente aparecem na região das mãos, pé, boca, joelhos, genitália e nádegas. Sintomas como, diarreia, náuseas, vômito e febre, também são comuns. Altamente contagiosa, a doença não tem tratamento específico, pois ela surge e desaparece entre cinco e sete dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *