Pronto Socorro do Jardim D’Abril tem princípio de incêndio, e prefeito decide transferir pacientes

Nesta terça-feira (2), um princípio de incêndio no Pronto Socorro do Jardim D’Abril, em Osasco, assustou pacientes e profissionais da saúde.

O Corpo de Bombeiros de São Paulo recebeu o chamado, por volta das 9h24, para conter um vazamento de oxigênio no Pronto-Socorro Jardim d’Abril. Um curto circuito na Sala de Medicação hospital, que funciona como retaguarda da vovid-19, danificou parcialmente a rede de oxigênio, que por ser altamente inflamável, o vazamento do gás poderia resultar em um incêndio. Segundo a Secretaria de Saúde de Osasco, os próprios funcionários da unidade fizeram a contenção do fogo utilizando extintores.

Mais tarde o prefeito de Osasco, Rogério Lins, visitou o local do acidente e optou por transferir todos os pacientes internados. “Estou aqui no Pronto-Socorro Jardim D’Abril, unidade que sofreu hoje um princípio de incêndio. Não tivemos pessoas feridas nem sem oxigênio. Por segurança, optamos em transferir os 39 pacientes que estavam na unidade em uma mega operação, que foi concluída com sucesso e rapidamente. Meu gabinete hoje será aqui, pois nas próximas horas os reparos necessários serão feitos, para que a unidade volte a funcionar normalmente ainda hoje. Nossos agradecimentos a todos os membros do SAMU, servidores da Saúde, Corpo de Bombeiros, GCM, PM, Defesa Civil”, publicou Rogério Lins nas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *